Um pé de milho dá quantas espigas?

Quando se trata de uma melhor organização em relação a produtividade da plantação, uma dúvida comum é: um pé de milho dá quantas espigas?

Afinal, tendo em mente essa média você pode construir uma expectativa de colheita e também adequar a quantidade de pés de acordo com a sua pretensão.

Publicidade:

Então, para responder essa questão e também a muitas outras relacionadas a essa cultura, preparamos esse texto cheio de informações importantes. Além disso, você vai conferir os benefícios do consórcio de cultivos e como aumentar os seus rendimentos.

Gostou? Tem muito mais! Vem com a gente e continue a leitura.

Um pé de milho dá quantas espigas?

Um pé de milho dá quantas espigas

Publicidade:

Um pé de milho dá, em média, apenas uma ou duas espigas. Na realidade, praticamente cada nó que a planta possui tem o potencial de desenvolvimento do fruto, entretanto, apenas essa quantidade consegue completar o ciclo de desenvolvimento.

Tanto que é possível observar o início da formação de várias espigas de milho em determinados momentos do ciclo. Entretanto, quando começa o processo de frutificação e amadurecimento dessas estruturas, as demais são abortadas.

Mas, é importante saber que é possível que hajam algumas outras espigas no pé, isso vai depender da variedade do grão, do cultivo e dos fatores externos que influenciam todo o processo de produção. Contudo, geralmente a média é essa que mencionamos.

Além disso, vale dizer que, essa planta possui um ciclo anual, ou seja, produz apenas uma vez. Depois da colheita o pé de milho não produzirá mais espigas, sendo necessário refazer o plantio para a próxima safra.

Dito isso, um outro detalhe que é muito importante para se organizar em relação a quantidade pretendida de produção, de acordo com a área disponível para o cultivo, é o espaçamento mínimo que deve ser respeitado entre cada planta.

Sendo assim, os dois mais utilizados são:

  • Espaçamento convencional: distância de 80 a 90 cm entre as linhas
  • Espaçamento reduzido: distanciamento de 45 a 50 centímetros.

O espaçamento reduzido vem sendo mais utilizado ultimamente. Isso porque gera um maior aproveitamento da área de cultivo e otimização da produção pela cultura de variedades menores e que possuem folhas eretas.

Observação: é importante saber também a quantidade de grãos por cova. Assim você evita superpopulações que competirão entre si e, consequentemente, causarão prejuízos na colheita.

Agora que você já respondemos a dúvida “um pé de milho dá quantas espigas?”, confira outras informações importantes para te ajudar a aumentar a sua rentabilidade cultivando milho.

O que plantar junto com o milho?

Um pé de milho dá quantas espigas

Se você é um pequeno produtor, e levando em consideração o ciclo e produtividade da cultura do milho, o consórcio de plantios é uma excelente opção para aumentar a rentabilidade e garantir maior segurança financeira.

Além disso, existem muitos benefícios ambientais e em relação a produtividade em culturas mistas. Isso porque, sabendo o que plantar em conjunto, uma espécie geralmente beneficia a outra e o solo não sofre tantos danos, como acontece na monocultura, em especial de grande escala.

A técnica consiste em intercalar duas ou mais variedades de plantas dentro de uma mesma área. Mas, tendo o cuidado para inserir nesse sistema plantas que não vão competir pelos elementos de desenvolvimento.

Vale mencionar também um grande benefício dessa prática que é a diminuição da proliferação de pragas e doenças comuns. Da mesma forma, existe um maior controle populacional de insetos e ervas daninhas.

Algumas culturas compatíveis que podem ser plantadas juntamente com o milho são:

  • Feijão;
  • Batata;
  • Mandioca;
  • Abóbora ou moranga;
  • Soja.

Todos esses cultivos de alguma forma vão se beneficiar do consórcio, seja pelo sombreamento gerado pelo milho, pela adubação que uma espécie demanda e a outra acaba se favorecendo, irrigação, bactérias nitrificadoras, proteção do solo, diminuição da perda de água, etc.

Você pode se interessar em ler também:

Conclusão

Esperamos que a sua dúvida “um pé de milho dá quantas espigas?” tenha sido devidamente esclarecida, bem como, outras questões relacionadas a esse cultivo.

Também contamos que as dicas sobre os consórcios de plantações tenham sido úteis e que você possa melhorar a sua produtividade com essas informações.

Conta pra gente o que você achou. Vamos gostar muito de saber a sua opinião sobre o assunto e também sobre a sua experiência.

Obrigada por nos acompanhar até aqui.

Boa sorte e até a próxima!

Publicidade: