Quanto tempo leva um pé de milho para dar espiga?

Você que iniciou esse cultivo ou está interessado nessa produção, pode estar se questionando quanto tempo leva um pé de milho para dar espiga. 

É uma dúvida bastante comum na realidade, principalmente para produtores iniciantes nesse tipo de cultura. Ter em mente essa média te permite se organizar melhor em relação aos resultados pretendidos e aos ciclos de desenvolvimento dessa planta.

Publicidade:

Então, para responder essa pergunta, além de muitas outras relacionadas, preparamos esse texto! Aqui você vai poder sanar diversas dúvidas e ter acesso a informações essenciais para um bom manejo da plantação.

Portanto, vem com a gente e continue a leitura para garantir que o seu plantio dê ótimos resultados.

Quanto tempo leva um pé de milho para dar espiga?

Quanto tempo leva um pé de milho para dar espiga

Publicidade:

Um pé de milho leva cerca de 4 a 6 meses para dar espiga. O processo de maturação completo, ou seja, o momento da colheita ocorre em cerca de 50 dias após a floração.

No caso do milho verde, como as espigas devem ser colhidas antecipadamente, quando os grãos ainda estiverem com um aspecto leitoso, esse período é reduzido para 20 a 25 dias após a emissão do pendão do milho.

É muito importante se atentar também ao momento certo da colheita, para que essa não seja feita de forma antecipada ou tardia, o que, em ambos os casos, pode comprometer a produtividade e qualidade do milho produzido.

Portanto, como esse tempo pode sofrer variações, levando em consideração as condições climáticas, manejo da cultura, tipo de milho produzido, dentre outras coisas, você pode analisar certos elementos na própria espiga para identificar o momento para a colheita ser feita.

Por exemplo, observe os cabelos das espigas, estes devem estar amarronzados. No caso de outros cultivos que não seja o milho verde/milho doce, o aspecto desses “cabelos” devem também possuir uma textura seca.

Fases do ciclo de desenvolvimento do milho

Vamos conferir um pouco melhor sobre o ciclo de desenvolvimento do milho, para que você tenha uma ideia geral sobre as fases da sua plantação.

Sendo assim:

  • Germinação e emergência: esse é o período que se dá entre o momento da semeadura até o aparecimento da plantas sob o solo. Essa fase pode durar de 5 a 12 dias de duração, a depender principalmente de fatores ambientais;
  • Crescimento vegetativo: aqui é o momento compreendido entre o surgimento da segunda folha da muda até o ponto de florescimento;
  • Florescimento: estágio definido pelo início do processo de florescimento até o início da etapa de frutificação;
  • Frutificação: etapa que se estende desde a fecundação até o desenvolvimento total das espigas – esse período pode durar, em média, entre 40 a 60 dias;
  • Maturação: momento em que a maioria das espécies passa antes da colheita. Ou seja, é uma fase entre o final da frutificação e o surgimento da camada negra.

Agora que você já sabe quanto tempo leva um pé de milho para dar espiga e também conhece as etapas do seu desenvolvimento, é muito importante saber que todo esse processo vai depender muito de fatores externos e do manejo da cultura.

Por isso, confira abaixo algumas dicas essenciais para você ter ótimos resultados na sua plantação, bem como, garantir que os estágios e a produção aconteçam dentro do prazo esperado.

Como fazer o milho produzir no tempo certo?

Quanto tempo leva um pé de milho para dar espiga

Como mencionamos, existem fatores fundamentais que vão definir o tempo do ciclo de desenvolvimento e o momento da colheita.

Mas, para além disso, um bom manejo e conhecimento das demandas dessa planta é essencial para uma boa produção, seja em quantidade ou qualidade.

Um ponto essencial para garantir o sucesso do cultivo é respeitar o momento certo para o início do plantio de acordo com a sua região. Isso porque essa planta demanda muita disponibilidade hídrica, e portanto, a semeadura acontece nos períodos chuvosos.

Para que você possua uma plantação bem sucedida, também é importante se atentar a quantidade de pés na área destinada ao cultivo. Caso haja um excesso, essas plantas começarão a competir pelos nutrientes, luminosidade solar, nutrientes do solo, etc.

O que vai gerar consequentemente uma diminuição na produtividade e prejuízos para o plantio de uma forma geral. Portanto, certifique-se de plantar a quantidade correta de grãos por cova e respeitar o distanciamento entre os pés.

Por fim, vale mencionar que a preparação do solo antes de iniciar o cultivo é indispensável. Essa é uma espécie que demanda muito do solo, portanto ele deve ser fértil e possui boas quantidades de matéria orgânica, como por exemplo, o húmus de minhoca e os adubos compostos;

A drenagem da terra também deve ser eficiente, bem como a absorção. Para saber especificamente o que deve ser corrigido e acrescentado na sua área de cultivo, o ideal é realizar uma análise do solo.

Você pode se interessar em ler também:

Conclusão

Esperamos que a sua dúvida sobre quanto tempo leva um pé de milho para dar espiga tenha sido devidamente esclarecida. Também contamos que as informações e dicas do texto tenham sido úteis para você e possam contribuir para o seu plantio.

Conta pra gente o que você achou. Vamos gostar muito de saber a sua opinião e sobre a sua experiência com essa cultura.

Obrigada por nos acompanhar até aqui.

Boa sorte e até a próxima!

Publicidade: